Governo já gastou R$ 11 milhões com estudo do vermífugo do astronauta

Governo já gastou R$ 11 milhões com estudo do vermífugo do astronauta
O ministro de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Marcos Pontes, participa de audiência pública na Comissão de Ciência, Tecnologia, Inovação, Comunicação e Informática (CCT) do Senado.

O Ministério da Ciência e Tecnologia já gastou R$ 11 milhões com dois estudos clínicos para testar a eficácia do vermífugo nitazoxanida — o Annita — no tratamento de Covid-19, diz a Folha.

O vermífugo foi anunciado em abril como o “remédio secreto” e sua eficácia vem sendo testada para o tratamento da doença.

Na semana passada, como publicamos, o ministro Marcos Pontes anunciou que está com Covid-19 e que fará uso do medicamento.

Mais lidas
  1. PDT acusa Bolsonaro de peculato por compra de leite condensado

  2. Ruth Gandra morre de Covid-19

  3. Sobra leite condensado, falta transparência do governo

  4. Lisboa também tem falta de oxigênio

  5. A curva é apavorante

Mais notícias
Comentários
Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 77 comentários
TOPO