ACESSE

Governo tenta costurar acordo para garantir segundo turno da Previdência

Telegram

Em reunião mais cedo no Palácio do Planalto, registra Valdo Cruz, no G1, Onyx Lorenzoni e Paulo Guedes disseram a Davi Alcolumbre que o governo defende a manutenção do acordo fechado no Senado para divisão dos recursos do leilão do excedente de petróleo da cessão onerosa.

Como O Antagonista antecipou, esse é o assunto que mais incomoda senadores que ameaçam atrapalhar a reforma da Previdência.

O acordo prevê a transferência de 30% dos recursos para estados e municípios em partes iguais. Como o projeto foi alterado no Senado, ele precisa ser apreciado novamente na Câmara, onde o Centrão está querendo aumentar a parcela dos municípios para 20% e reduzir a dos Estados para 10% — como já noticiamos, trata-se de um recado aos governadores, principalmente da esquerda e do Nordeste, que não apoiaram a reforma da Previdência.

Fraude no Senado: a investigação virou pizza. LEIA AQUI

Comentários

  • Indignado -

    Por isso que sonego tudo que posso de IR.... Durmo de consciência tranquila pois tenho certeza que o dinheiro será melhor aplicado se permanecer nas minhas mãos...

  • Marcelo -

    "Que é ciúmes ... ciumes de você!"

  • Marcela -

    Viva os senadores traidores da pátria que só querem dinheiro para suas lambanças!

Ler 7 comentários