Governo vai entregar ao Congresso defesa das pedaladas

Rose de Freitas, que preside a Comissão Mista de Orçamento, espera receber amanhã os novos argumentos de defesa do governo sobre as pedaladas fiscais de 2014.

O governo tinha 45 dias de prazo, mas Nelson Barbosa preferiu antecipar. Afinal, não há muito mais a acrescentar nas 200 páginas de argumentos furados.

Faça o primeiro comentário