GRÁFICAS RECEBERAM, MAS NÃO ENTREGARAM

A ministra Maria Thereza liberou há pouco a perícia contábil sobre os prestadores de serviços da campanha de Dilma, cujo resultado foi antecipado ontem por O Antagonista.

Num dos trechos do documento, os peritos afirmam que “foram identificadas notas fiscais canceladas de serviços não prestados à campanha, porém, remunerados pela chapa presidencial eleita e registrados na contabilidade da empresa como pagamentos recebidos em espécie”.

Ou seja, a empresa foi remunerada por um serviço não prestado.

Faça o primeiro comentário