Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

"Grande conversa fiada", diz Saraiva sobre geração de riqueza por madeireiras fiscalizadas

“Grande conversa fiada”, diz Saraiva sobre geração de riqueza por madeireiras fiscalizadas
Foto: O Antagonista

O delegado Alexandre Saraiva rebateu deputados bolsonaristas que o acusaram de perseguir madeireiras que gerariam riquezas na Amazônia. Ele participa hoje de audiência na Câmara para esclarecer a notícia-crime apresentada contra Ricardo Salles, a quem acusa de proteger empresas fiscalizadas na região.

“A Rondobel, essa empresa que vocês estão defendendo, que gera emprego, esse pessoal foi condenado numa sentença, 20 multas, R$ 9 milhões devendo. As empresas que trabalham completamente na ilegalidade não estão gerando riqueza para a região não, estão gerando riqueza para a organização criminosa. O IDH não é lá essas coisas. Então, isso é uma grande conversa fiada, afirmou.

Ele disse que a extração de madeira pode ser feita de maneira racional na região.

“Mas estamos vendendo nossa madeira a preço vil. Tanto que no mercado americano o ipê está sendo vendido a preço de compensado. Por quê? É desse jeito que alguns defendem, de maneira exploratória e absurda, como foi feito com o pau-brasil, com o mogno e agora com o ipê.”

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO