Guerra contra a Globo

A melhor repórter da TV, Andréia Sadi, foi agredida ontem na sede do PT.

Quando ela chegou lá, os petistas estavam comemorando a pesquisa de boca de urna do Ibope:

“Não vamos vender a prefeitura! Agora é guerra!”

A guerra durou menos de meia hora – até a contagem dos primeiros votos.

Os militantes do partido, enfurecidos, passaram a xingar Andréia Sadi, e barraram a porta quando ela tentou escapar.

Alexandre Padilha e Gabriel Chalita assistiram à agressão, sem mexer um dedo.

Faça o primeiro comentário