Haddad é o petista com menor apoio no Nordeste desde 2002

Após ser confirmado como candidato do PT, Fernando Haddad, o poste de Lula, saltou de 5% para 38% da intenção de voto na região em menos de um mês, segundo o Datafolha.

Mas o crescimento arrefeceu –em vez de continuar subindo, “Andrade” oscilou negativamente para 36% no Nordeste, segundo o Datafolha da última terça-feira.

Em votos válidos, são 43% –segundo a BBC Brasil, é o menor apoio a um candidato do PT no Nordeste no primeiro turno desde 2002.

Até Dilma Rousseff teve mais: em 2014, foram 60% dos votos válidos na região.

Você viu as novas revelações de Palocci sobre a corrupção na era Lula? Confira AQUI

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 25 comentários
  1. Subiu porque as pesquisas foram feitas somente em cidades onde o presidiário tinha 90% dos votos quando foi candidato! Foi uma puta TRAQUINAGEM que os institutos fizeram para iludir e enganar o elito

  2. Será que o povo do nordeste está satisfeito com a vida que leva? Será que eles não estão vendo que receber esmola sem trabalhar não tira ninguém da pobreza. LULA é rico, mas deixa seu povo com

  3. Pois é. O Lula embriagado pelo seu próprio passado achou que a transferência acontece como se quer. O fenômeno é inconsciente e não souberam ler o q o povo está transferindo.

    1. Negativo! “Andrade” é o lula sim… ele mesmo é quem o diz! O povo do Nordeste é que está de olhos abertos e não vai ser enganado de novo. CHEGA!

  4. Para o Nordeste ter alguma esperança de sair de sua secular pobreza, o nordestino terá que deixar de votar preferencialmente em políticos ineptos, populistas e corruptos (caso notório do Lula).

  5. Está na hora do Nordeste parar de ser explorado por esses vagabundos do PT! Bolsonaro vai investir e trazer prosperidade à Região! Menos impostos, mais emprego, mais grana nas mãos do povo!