ACESSE

Haddad não se desculpa por fake news sobre Mourão

Telegram

Fernando Haddad foi ao Rio hoje para se encontrar com representantes de igrejas evangélicas, informou o Estadão.

Na saída, o poste de Lula deu uma entrevista em que foi questionado sobre sua acusação de que Hamilton Mourão teria torturado o cantor Geraldo Azevedo no regime militar —desmentida pelo vice de Jair Bolsonaro, que tinha 16 anos à época dos fatos, e pelo próprio cantor.

Haddad respondeu que recebera a informação de “fonte fidedigna”, Azevedo, e que uma pessoa torturada estava sujeita a esse tipo de confusão. Também disse que isso não mudava em nada o fato de o general elogiar a ditadura.

Pedido de desculpas pelas “fake news”? Zero, nenhum.

Você precisa saber toda a verdade sobre os bastidores da eleição. E precisa ser AGORA

Comentários

  • Vando -

    Mourão tem que deixar de ser frouxo e processar Haddad também

  • Silvia -

    Ele pedir desculpas? Esse aí é o tipo mais perigoso de petista, o ideológico criado nas saias da Marilena Chauí. Se rala pro povo e pra qualquer coisa que não sejam suas teorias furadas.

  • M -

    Este poste é muito desclassificado, pq será q os petistas morrem de medo da Vitória de BOLSONARO, rabo preso.

Ler 166 comentários