Helicóptero tinha mais de 40 anos

O helicóptero que caiu em São Paulo, matando o jornalista Ricardo Boechat, era operado pela empresa de táxi-aéreo RQ Serviços Aéreos Especializados.

Estava com a licença de operação em dia, válida até 2023. Conforme registro na Anac, a aeronave foi fabricada em 1975 pela Bell Helicopter.

Fabricante:
BELL HELICOPTER
Ano de Fabricação:
1975
Modelo:
206B
Número de Série:
1705
Tipo ICAO :
B06
Tipo de Habilitação para Pilotos:
HMNT
Classe da Aeronave:
HELICOPTERO 1 MOTOR TURBOEIXO
Peso Máximo de Decolagem:
1247 – Kg
Número Máximo de Passageiros:
004
Tipo de voo autorizado:
VFR Noturno
Este é um convite à indignação. Veja aqui!

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 22 comentários
  1. Preferível voar num aparelho fabricado em 1975 do que num fabricado em 2015, p. ex. O que importa são as manutenções realizadas. Um choque com drone ou um pássaro não devem ser descartados.

  2. Realmente. Prefiro voar num helicóptero de 40 anos, confiando na manutenção tão competente que existe neste país, que num helicóptero de última geração! Aaaaaaaaaaa, façam-me o favor!!!!

    1. Verdade, o que importa é que as manutenções estejam em ordem. Na aviação, as peças são trocadas bem antes do fim da vida útil delas.

  3. Espero que o apedeuta que escreveu essa matéria entenda a gravidade da acusação que está fazendo. Idade da aeronave não tem relação nenhuma com segurança. Tenham respeito ao jornalismo.