Hello, envelope cheio de dinheiro

O homem comanda o Banco do Brasil e paga tudo em dinheiro vivo?

A reportagem publicada hoje no Estadão é verdadeiramente espantosa. O atual presidente da Petrobras, Aldemir Bendine, para construir sua casa em Conchas, fazia pagamentos superiores a 20 mil reais em espécie.

A denúncia foi feita pelo pedreiro da obra. Segundo ele, Aldemir Bendine sempre circulava com envelopes cheios de dinheiro. Seu motorista já dissera algo semelhante. Em vez de envelopes cheios de dinheiro, porém, tratava-se de sacolas cheias de dinheiro. Dois comerciantes de Conchas confirmaram ao Estadão que o método de pagamento de Aldemir Bendine era esse mesmo: dinheiro vivo.

Dilma Rousseff disse que a Moody’s rebaixou a nota da Petrobras por falta de conhecimento. De fato, a Moody’s nunca conheceu alguém como Aldemir Bendine.

A Moody’s não conhece isso

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200