Henrique vai advogar com Fernando?

Henrique Neves, que dá lugar no TSE a Admar Gonzaga, vai advogar.

O Antagonista gostaria de saber se ele vai integrar o escritório do irmão Fernando Neves, que, segundo a PGR, teria recebido R$ 560 mil pela defesa de João Pizolatti, no TSE, pagos pela Queiroz Galvão como parte do acerto de propina do PP.

Faça o primeiro comentário