ACESSE

Herança de Pimentel em MG é rombo de R$ 28 bi

Telegram

As dívidas deixadas pelo atual governador de Minas, o petista Fernando Pimentel, para seu sucessor, Romeu Zema, do Novo, somam no mínimo R$ 27,7 bilhões, informa o Estadão.

A equipe de transição de Zema disse hoje que, se não houver medidas de ajuste nas contas do estado, o rombo pode chegar a R$ 99,5 bilhões acumulados nos próximos quatro anos.

Segundo o futuro secretário da Fazenda de MG, Gustavo Barbosa, a primeira medida do novo governo será desfazer a maquiagem nas contas do estado e publicar todos os gastos efetivos com pessoal.

A velha política foi ferida — mas não morreu. É hora de perguntar: quem pode vigiar os velhos políticos por VOCÊ? AQUI

Comentários

  • ZNM -

    Medida essencial: divulgar todos os podres! Inclusive, essa tb tem q ser uma prática adotada por Bolsonaro.

  • Josemir -

    Qual é a novidade ? Por onde passa um FDP do PT o rasto é sempre desastroso pois a cartilha deles só ensina a roubar e mentir para o povo idiota que ainda da voto para esse tipo bandido PTralha !

  • Marco -

    A solução é muito simples: demitir 100% dos cargos comissionados, privatizar tudo que der e desaparelhar o judiciário mineiro (ALMG e TJMG) com base na operação Lava Toga, o trunfo de 2019

Ler 114 comentários