“Home office do crime organizado”

Em coletiva neste momento, Raul Jungmann, ministro da Defesa, diz que se as forças de segurança não conseguirem interromper o contato telefônico entre os criminosos presos e os soltos, o combate ao crime organizado não vai adiantar muita coisa.

Ele chamou os presídios brasileiros de “home office do crime organizado.”

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

  1. mimimi disse:

    Mourão já avisou, ministrinho! Trabalhe até morrer ou ...

Ler comentários
  1. Brasilia, Home Office do crime disse:

    E brasilia, seria o home office dos grandes criminosos ou o QG deles?

  2. Alex disse:

    Então pra que serve o Ministério da Defesa, peça pra sair incompetente.

  3. Cláudio disse:

    Tem que acabar com o foro privilegiado e com passaporte diplomático para bandidos? Aí fica problemático né ministro vai mexer com os seus?

  4. orlando disse:

    Uai, um governo eficiente serviria para que?

  5. El Diabo disse:

    Para impedir a comunicação com os criminosos soltos, basta cortar todas linhas de Brasília

  6. Paulo Fernando Pitelli disse:

    Piada. Avisar com antecedência os amigos que vão invadir. Piada mesmo.

  7. ctrl alt del disse:

    Enquanto Senador dono de helicóptero puder transportar a droga livremente tb não há o que possa ser feito. Ministro tb usando o aeroporto da própria fazenda para o transporte de drogas e outro cuja fazenda é usado para o beneficiamento dos entorpecentes... enfim... não há nada que possa ser feito pelo Brasil.

    1. não esquece do ex-presidente com elos com as FARC, ex ministro das relações exteriores com conversa gravada no HD do laptop do chefe das FARC, amigo do hugo chavez e do evo cocainero

    2. Kkkk!! Ok, toma a sua mortadela, vc já pode ir embora!!

  8. the other mario disse:

    Este comunista fala como se resolver esta situação não fosse exatamente o job dele.

  9. Bia Ferraz disse:

    É incrível, o antagolpista dedica 10 posts simultâneos sobre a crise da segurança no RJ, tentando jogar essa conta no colo de Temer, como se o problema da segurança no RJ, não fossem única e exclusivamente do povo carioca (só ganham para MG em votar mal) e da rede Globbles pela glamourização excessiva do tráfico de drogas.

    1. A legislação é federal, a polícia prende muitas vezes e a justiça solta. Cadê uma reforma do código penal, uma reforma da justiça: é competência do governo federal, ou Temer só cuida da própria sobrevivência política?

    2. O Anta ainda está "no serviço" de derrubar Temer antes do mandato, não se conformam que o povo quer estabilidade até as novas eleições. A mudança vai vir das urnas, democraticamente, Antas.

  10. Azambuja Silva disse:

    Atencao bandidagem.....o ministro da defesa vai contar ate 5.000 e dai vai invadir a rocinha....se encherga.....