Hora do beija-mão

Delegados, agentes e políticos (poucos, é verdade) formam uma longa fila para o beija-mão ao novo diretor-geral da PF, Fernando Segovia.

Tem até deputada distrital investigada querendo encontrar espaço para dar um tapinha nas costas do recém-empossado.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 8 comentários