Ibama anula multa ambiental de Bolsonaro

Após parecer da AGU, a superintendência do Ibama no Rio anulou multa de R$ 10 mil aplicada a Jair Bolsonaro em 2012 por pesca irregular em Angra dos Reis, registra a Folha.

A decisão é de 20 de dezembro, ainda no governo Michel Temer. O nome do atual presidente foi retirado do cadastro de pessoas físicas e jurídicas que têm dívida ativa com a União.

Para a AGU, Bolsonaro não teve amplo direito de defesa no processo nem teve resguardada a garantia de contraditório. O caso foi enviado de volta ao Ibama do Rio, para novo julgamento.

Comentários

  • Lucas -

    No mesmo dia, mês e hora o Bolsonaro tem o comprovante de que estava na câmara votando. Ele não se importa com 10 mil seus manés... ele quer esfregar na cara o aparelhamento do IBAMA

  • alfredo -

    pelo andar da carruagem o governo do bolso só vai ser diferente pelo fato de não ter barba.e não ter o vermelho, e sim o verde.oliva para ficar com as costas quentes.o mourão com o filho tb já lu

  • Zélio -

    Não acho que a postura de o Antagonista seja:"Se hay gobierno,soy contra". Mesmo que fosse,seria mais saudável para a democracia do que essa posição da torcida embasbacada,de idolatrar o "mito

Ler 87 comentários