ACESSE

Ibaneis determinou fechamento da Esplanada e segurança de ministros após GDF ganhar ação bilionária no Supremo

Telegram

Observadores da cena política em Brasília enxergam o fechamento da Esplanada pelo governador Ibaneis Rocha como um gesto de alcance político amplo, e não apenas uma medida de proteção da Cúria Metropolitana de Brasília.

O isolamento da Esplanada por dois dias foi acompanhado de medidas de segurança nas residências dos ministros do Supremo.

No sábado, a PM de Ibaneis desmontou o acampamento de Sara Winter. Logo depois, demitiu o comandante da PM por causa do protesto com fogos de artifício em frente ao STF.

Uma mudança e tanto da postura de leniência que o governo da capital federal vinha adotando.

Por coincidência, na segunda-feira, o Supremo manteve uma liminar que desobrigou o governo de Ibaneis a devolver R$ 10 bilhões aos cofres federais, referentes a IR sobre soldos e benefícios pagos pelo Fundo Constitucional do DF.

Leia mais: A voz livre de Moro: agora ele é colunista exclusivo da 'Crusoé'. Clique e saiba mais

Comentários

  • Virgolino -

    O sistema só funciona lubrificado !! O problema é que a graxa é $$$$$$$$ que teremos de pagar com impostos !!

  • Marcos -

    E os pseudos 70% de idiotas continuam defendendo o supremo, tamo fu.....

  • Edelson -

    PARABÉNS GOVERNADOR!!!

Ler 20 comentários