ACESSE

Ida de petistas ao STF suspende votação da Previdência

Telegram

A ida de parlamentares do PT ao STF para conversar com Dias Toffoli sobre a transferência de Lula vai atrasar a votação dos destaques à reforma da Previdência.

Rodrigo Maia anunciou há pouco no plenário que fez um acordo com os deputados de oposição para concluir a votação dos destaques somente quando os parlamentares voltarem do encontro com o presidente do STF.

“Eu tenho um acordo com os deputados que não estão no plenário de aguardar a chegada.”

Maia e o Centrão querem que o Planalto se curve ao Congresso. Leia aqui

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 147 comentários