Ilibada e sem presunção?

De acordo com o Valor, a Assembleia Geral Extraordinária da Petrobras discutirá “a proposta de inserção de requisitos adicionais de reputação ilibada na política de indicação dos membros do conselho fiscal, conselho de administração e diretoria executiva da Petrobras”.

Mas sem “presunção de inocência”, certo?