Imagem e semelhança

Fotógrafo de Lula pago pela CBF e Jonas Suassuna, Ricardo Stuckert está sendo acusado pela Funai de violar direitos fundamentais preconizados na Convenção 169 da OIT.

Diz o órgão que o fotógrafo registrou imagens de índios isolados “à revelia dos trâmites necessários ao controle de acesso a Terras Indígenas, inexistindo autorização de ingresso ou observância do direito de imagem”.

No ano passado, o Ministério da Cultura autorizou Stuckert a captar, via Lei Rouanet, R$ 1,27 milhão para um livro de fotografias sobre os índios brasileiros.

Faça o primeiro comentário