Impeachment: o que virá depois do dia 9

Com o relatório de Antonio Anastasia aprovado também pelo plenário do Senado, na madrugada do dia 10, o processo de impeachment de Dilma Rousseff entrará, finalmente, na reta final.

– A acusação terá 48 horas para apresentar o chamado “libelo acusatório”, ou seja, as alegações finalíssimas. Os autores do pedido de impeachment já informaram que usarão metade desse tempo;

– Depois, mais 48 horas para JEC e a bancada do jardim de infância protagonizarem o choro final, com direito a seis testemunhas (eles queriam 20);

Ricardo Lewandowski será o responsável por intimar as partes e as testemunhas, além de, por fim, marcar o julgamento derradeiro, respeitando um prazo de até 10 dias a contar da entrega do “libelo” por parte da defesa.

Dando tudo certo, a sessão do adeus definitivo poderá começar no dia 24.

Faça o primeiro comentário