Indecência pela decência

O Antagonista imagina quanto ganhou o sujeito que gravou a fala indecente de Donald Trump em 2005.

Nas eleiçōes americanas, os políticos vão às compras e repassam o material contra o inimigo aos jornais.

Um dinheiro indecente a serviço (também) da decência.

Faça o primeiro comentário