Inmetro cancela acreditação de laboratórios investigados na Carne Fraca

Após a conclusão de procedimentos administrativos, o Inmetro cancelou por três anos a acreditação de três laboratórios do grupo Bioagri-Mérieux.

Significa que os laboratórios não garantem a qualidade técnica de seus resultados. Sem essa acreditação ISO 17025, eles também não conseguem o credenciamento junto ao MAPA.

As reais intenções de Dilma e Cuba com o programa Mais Médicos. SAIBA MAIS AQUI

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. claudio disse:

    Fecha essa birosca. Corrupção mostra a ética de todos. não passou no teste de fezes.

Ler comentários
  1. TICO disse:

    O ministerio da Agricultura não pode esperar para tomar medidas para o afastamento dos fiscais do SIF, pois cumprem legislação defasada prejudicando as empresas, gerando onus desnecessario .

  2. Carlos disse:

    Acreditação = credenciamento. Anglicismo tolo e desnecessário.

  3. socorro disse:

    Quero saber se já é confiável comprar carnes nos açougues, por favor, Antagonistas, vocês sabem se é seguro consumir as carninhas? Obrigada.

  4. Evandro disse:

    Bem que poderiam divulgar quasi marcas eles atestavam como carne boa;;;;

  5. Valter disse:

    Uma empresa deste porte perde muito a credibilidade, mas o Inmetro está cumprindo seu papel.

    1. Qual empresa, JBS ???????????? Lembro que compraram muitas outras marcas.

  6. CarlosAlberto disse:

    É só isso q vai fazer empresas terem"vergonha na cara". Cadeia p/ os responsáveis também, c/ certeza cometeram crimes de falsidade ideológica,falsificação de documentos,contra saúde pública

  7. OLSim disse:

    O que me interessa e comprar carne FORTE e de qualidade!

  8. Henrique disse:

    Com isso, é melhor fechar logo os laboratórios. Prejuízo para o Brasil. O correto seria punir os responsáveis, e não toda a empresa.

  9. Maria disse:

    E não é que a Carne era Fraca mesmo? Ah, Michel Temer...