Inocente vítima de armadilha

Delcídio do Amaral deve apelar para a emoção quando de sua volta ao Senado após 87 dias de prisão. Com direito a aspas, a Folha de São Paulo informa que o petista discursará se dizendo “inocente” e “vítima de uma armadilha”.

O senador continua negando que tenha firmado um acordo de delação premiada.