Inquérito nos EUA sobre a propina da SBM

A SBM Offshore anunciou que as autoridades dos Estados Unidos reabriram um inquérito sobre alegações de suborno no Brasil e em Angola.

Só para lembrar: a SBM Offshore foi aquela que pagou 300 mil dólares em propina à campanha de Dilma Rousseff, segundo Pedro Barusco.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;

Ler 3 comentários
  1. Existem varios meios de alcançar o conhecimento e fazer melhores escolhas para a vida. Infelizmente o povo prefere manter-se na ignorância. É melhor dizer que não sabia o que fazia do que assumir a culpa e “dar a cara a tapa”. A ignorância é uma virtude…