Insatisfação com vazamentos

O entorno de possíveis presidenciáveis em 2022 passou o fim de semana tentando identificar de onde partiram os vazamentos sobre eventuais chapas de centro.

A avaliação foi de que não era necessário sofrer desgastes agora.

Quem vazou, claro, quis “testar” composições.

Leia mais: Diogo Mainardi: a quarta via
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO