Intervalo para Erenice

Sobre o depoimento da inocente Erenice Guerra, ontem, na Zelotes, o jornalista Merval Pereira, de O Globo, foi preciso:

“Depois de ter saido do gabinete civil por um escândalo de tráfico de influência em benefício de um filho, Erenice Guerra só continua com tanta desenvoltura porque a presidente Dilma permite. Milhões e milhões foram para o ralo com essa história do Carf e ela se diz muito ‘ingênua’, achando que é legal um conselheiro do CARF atuar como advogado contra o órgão. Fica claro que ela sai do Ministério apenas para não atrapalhar a campanha de Dilma e depois voltou a circular no Planalto.”

Faça o primeiro comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

1200