Interventor no Rio vê desfecho do caso Marielle próximo

O general Walter Braga Netto disse a Michel Temer, ontem à tarde, que houve avanços na investigação do assassinato de Marielle Franco, como O Antagonista antecipou.

Na conversa com o presidente, o interventor federal no Rio se mostrou otimista com o desfecho do caso no próximos dias.

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

Ler mais 24 comentários
  1. Projeto de lei do Senado institui o Diploma de Direitos Humanos Marielle Franco.
    É possível votar Sim ou Não:
    https://www12.senado.leg.br/ecidadania/visualizacaomateria?id=132613

  2. Espero que seja tudo bem esclarecido e conclusivo, sem margem à dúvidas. No caso dos tiros dos ônibus no PR, ficou implícita a conclusão de tentativa de suicídio do ônibus, a 19,62 m, levemente de cima para baixo ângulo de distância dos tiros. Mas, não sabe se o ônibus estava em movimento ou parado. ?!#@%&*.

  3. Missa em homenagem a dona Marisa? A religião católica após a morte do cristão não costuma celebrar/comemorar aniversario de nascimento, as celebrações religiosas são feitas no aniversario de morte. Portanto, mais uma vez o Sr. Luis Inácio usa a memoria de sua ex_companheira sem nenhum pudor.

  4. Sobre os equívocos divulgados pela imprensa em relação à PM no local do crime, é bom lembrar que, as testemunhas não foram expulsas pela PM. O nosso “escroto” Código de Processo Penal diz em seu 6º Artigo que, cabe à “autoridade policial”, normalmente um delegado um(a) delegado(a) de Polícia Judiciária(Polícia Civil ou Federal) investigar crimes, E, mesmo não estando escrito, as PMs no Brasil inteiro apenas guardam locais de crime, não cabendo a ela reter testemunhas. Por essa razão, centenas de milhares de homicídios não são esclarecidos, porque a PM, que sempre chega primeiro nos locais de crime, não tem o poder de iniciar as investigações, inclusive não tendo o poder de reter ou colher depoimento de testemunhas nos locais de flagrante.
    É um sistema feito para não dar certo.

  5. Como no caso CELSO DANIEL, aposto que as coisas vão ficar “nebulosas”, quando chegarem aos verdadeiros autores, e não aos que a mídia e a esquerdalha elegeu como “naturais” autores.

  6. Peste Negra disse: O Rio não tem conserto.
    GENERAL BREGA!Os PMs morrem aos borbotões.ALGUÉM LIGA?
    Desconfio que os Verdes Oliva Desbotado,está fazendo turismo no Rio de Janeiro.
    ODEIO GENTE QUE NÃO GOSTA DE SANGUE.FROUXOS,MARICAS.

  7. Vou repetir meu comentário do post anterior. Quem matou a vereadora foi um mercenário contratado pelo PCC. Como vão explicar isso para a mídia e o povo, foge ao meu entendimento.