Inversão de valores

A Folha de S. Paulo aproveitou seu editorial sobre Geddel Vieira Lima para atacar o Ministério Público:

“Prisões preventivas têm-se multiplicado no país, estendendo-se por muitos meses, com fundamento em presunções dessa natureza. É lícito, inclusive, perguntar se não teriam se transformado em método autônomo para extrair informações dos envolvidos”.

A Folha de S. Paulo realmente não é jacobina.

Faça o primeiro comentário