Investigação envolvendo Filipe Martins corre em segredo no Senado

Investigação envolvendo Filipe Martins corre em segredo no Senado
Reprodução/TV Senado

Filipe Martins, o assessor internacional de Jair Bolsonaro, continua no cargo.

No último dia 24, ele fez um gesto associado a supremacistas brancos durante uma audiência no Senado e Rodrigo Pacheco, presidente da Casa, anunciou que a Polícia Legislativa investigaria o caso. Martins alegou que estava apenas ajeitando a lapela do terno.

O Antagonista procurou saber em que pé está a investigação e foi informado pela Presidência do Senado que o processo corre em segredo, sem prazo para ser concluído.

Leia mais: Enquanto Brasília faz tudo errado, a Crusoé continuará fazendo o certo: fiscalizando o poder.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO