Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Investigação sobre atos no 7 de Setembro mira grupo de SC e apura ligação com secretário

'Célula Joinville' inclui o caminhoneiro Trovão, que incitou seguidores a invadir STF e Congresso; PGR apura ligação de Jorge Seif Júnior com o grupo
Investigação sobre atos no 7 de Setembro mira grupo de SC e apura ligação com secretário
Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

A investigação conduzida pela PGR sobre a realização de manifestações bolsonaristas no feriado de Sete de Setembro contra integrantes do STF e do Congresso mira um grupo de Santa Catarina batizado informalmente como “Célula Joinville”, informa Fabio Leite na Crusoé

Três dos nove alvos dos mandados de busca e apreensão expedidos por Alexandre de Moraes na última sexta, 20, são da cidade catarinense. Entre eles está o caminhoneiro Marcos Gomes, conhecido como Zé Trovão, que incitou seguidores nas redes a invadirem o Supremo e o Congresso e a “partir pra cima” de senadores da CPI da Covid.

Também está na mira dos investigadores a ligação de Jorge Seif Júnior, secretário nacional da Pesca do governo de Jair Bolsonaro, com o grupo. No mesmo dia da ação autorizada por Moraes, Seif, que mora há mais de 20 anos em Santa Catarina, saiu em defesa do grupo e chamou integrantes do STF de “vagabundos” em uma postagem.

LEIA AQUI a reportagem; assine a Crusoé e apoie o jornalismo independente.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO