UM FIES PARA O EX-MINISTRO DE LULA

A inadimplência do Fies não está relacionada apenas ao desemprego, mas a diversas falhas de concepção do programa. Na verdade, parece ter sido criado para financiar indiretamente instituições privadas amigas do governo petista.

Até 2015, o governo injetou R$ 50 bilhões nessas instituições.

Um levantamento do analista Tiago Ring mostra que a Kroton foi a instituição mais beneficiada pelo Fies. A Kroton é de Walfrido Mares Guia, o ex-ministro de Lula que sempre lhe empresta o jatinho.

O Fies merece uma investigação própria: o ‘Fiesão’ ou ‘Walfridão’.

200