Isso, isso e isso

De todas as tolices ditas por Fernando Henrique Cardoso ontem à noite, no Roda Viva, a pior foi:

“Tinha que ter uma renúncia com grandeza. A presidente Dilma não pode desconhecer o que nós conhecemos, que a economia está em uma situação desesperadora, que há uma crise política. Ela tinha que dizer: ‘eu saio, eu renuncio, mas eu quero que o Congresso aprove isso, isso e isso'”.

Primeiro:

Como é que alguém pode associar Dilma Rousseff a um gesto de grandeza?

Segundo:

Fernando Henrique Cardoso realmente acha que o problema é o Congresso? Se Dilma Rousseff pudesse aprovar “isso, isso e isso”, o que ela aprovaria? A reforma da Previdência?

Quando ainda tinha o poder de aprovar “isso, isso e isso”, Dilma Rousseff aprovou o rombo fiscal, as pedaladas e Pasadena.

Faça o primeiro comentário