Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Ives Gandra defende voto contra a PEC dos Precatórios

Para advogado, proposta autoriza um 'calote oficial do governo', impõe um tratamento diferenciado que não é 'ético' e é má sinalização para o mercado
Ives Gandra defende voto contra a PEC dos Precatórios
Foto: Divulgação

Um dos advogados mais respeitados pelos bolsonaristas, Ives Gandra Martins tem aconselhado parlamentares a votar contra a PEC dos Precatórios, proposta do governo que já enfrenta forte resistência no Congresso, informa o site Metrópoles.

A PEC é considerada pelo Planalto peça-chave para viabilizar o Auxílio Brasil de R$ 400 em 2022 e tentar reeleger Jair Bolsonaro, já que ela permitiria que a União adiasse o pagamento de suas dívidas judiciais.

Para Ives Gandra, a proposta autoriza um “calote oficial do governo”, sem punição —tratamento diferente recebido pelo contribuinte brasileiro, que, quando deve à União, é punido “de uma forma pesadíssima”.

“Do ponto de vista filosófico, não é ético esse tratamento diferenciado. E, do ponto de vista econômico, é uma má sinalização para o mercado”, afirmou o advogado.

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO