Se não busca ser amado, Temer pode ousar

A pesquisa do Instituto Ipsos divulgada pela Folha sobre a avaliação do governo Temer não acrescenta muito ao que já se sabia:

. o governo é considerado ruim/péssimo por 46%; regular por 32% e bom/ótimo por 9%

. 36% acham que o governo está abaixo da expectativa, 2% acham que ele a superou e 16% acreditam que tudo está como esperado; 24% dizem que é cedo para avaliar

. 53% reprovam a condução da reforma da Previdência

. mais de 50% reprovam a gestão da reforma trabalhista e do combate à pobreza, à violência e ao desemprego

. o combate à inflação é aprovado por 33% e reprovado por 45%

Uma vez que já não é amado, Temer pode levar adiante as reformas impopulares de que o Brasil precisa.

Faça o primeiro comentário