Janete, a clandestina

Segundo a edição uruguaia do El País, a aspirante a Agatha Christie dos trópicos entrou irregularmente no país vizinho, na quinta-feira. A denúncia partiu do presidente do Sindicato das Aduanas do Uruguai, Gregorio Techera.

Ao jornal, Techera afirmou: “não é possível que aqui haja cidadãos de primeira e de quarta. Que se façam alguns descer [do carro] e assinar papéis, e a esta senhora, não.”

Techera, se você soubesse o que ela já fez no Brasil…

Faça o primeiro comentário