ACESSE

JBS recebeu R$ 47 milhões do governo Bolsonaro para fornecer carne aos militares

Telegram

Desde o início de 2019, quando Jair Bolsonaro foi empossado, a JBS assinou R$ 47 milhões em contratos com o governo, diz a Crusoé.

Segundo o Portal da Transparência, o frigorífico dos irmãos Batista fechou 30 negócios com o Ministério da Defesa durante esse período para fornecer congelados para os militares do Exército e da Marinha.

“No cardápio contratado pelas Forças Armadas estão peças de picanha, maminha e filé mignon.”

Leia aqui a nota completa.

Assine a revista e leia também a reportagem exclusiva e explosiva sobre a visita do advogado Frederick Wassef à PGR para tratar de assuntos de interesse da JBS.

Leia mais: EXCLUSIVO: A PARTICIPAÇÃO DE BOLSONARO NA OPERAÇÃO EM FAVOR DA JBS

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 184 comentários