Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

JOBIM E A 'TORTA BÚLGARA'

JOBIM E A TORTA BÚLGARA
Foto: Roberto Stuckert Filho/PR

No despacho em que responde à decisão de Celso de Mello de suspender parte da investigação de André Esteves, o delegado Filipe Pace rebate a acusação de que a inclusão de Nelson Jobim no rol de investigados “teria sido feita sem motivo minimamente relevante”.

Pace faz referência a email obtido na busca que apontaria “alguma ligação” de Jobim com Esteves e Marcelo Odebrecht “em algum projeto” que Odebrecht e BTG teriam “furado a fila”, tendo com isso “garantido dois mandatos e uma torta búlgara”.

Para a PF, a frase seria uma menção indireta aos dois mandatos de Dilma Rousseff, que é descendente de búlgaros.

O novo golpe dos hackers (agora contra nós). LEIA AQUI
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO