JOTA: STF adia julgamento que poderia botar Ivo Cassol na prisão

O dia de hoje poderia ter sido histórico no Supremo Tribunal Federal. Os ministros poderiam ter decretado, pela primeira vez, a prisão de um senador. Estava marcado para hoje o julgamento dos últimos embargos de declaração na ação penal 565, em que foi condenado o senador Ivo Cassol.

Mas os ministros resolveram adiar o julgamento – sem data para remarcá-lo. Cassol foi condenado em 2013 por fraude a licitações e recorre desde então.

Leia mais no JOTA

Faça o primeiro comentário