Juiz determina desocupação de área em frente à PF em Curitiba

O juiz substituto Jailton Tontini determinou a retirada imediata de manifestantes lulistas que ainda permanecem no acampamento em frente à Polícia Federal, em Curitiba.

Em sua decisão, ele afirma que o acordo com o PT previa a transferências de todos para outro local. Mas um pequeno grupo resolveu descumprir a ordem.

A PM está autorizada a ajudar na mudança.

Comentários

  • Aamdeu -

    Acordo com PT? Só se for pra criar outra ORCRIM.

  • jose -

    Nao precisa disso, o frio de Curitiba vai se encarregar disso.

  • Goreba -

    O JUDICIÁRIO, mais uma vez, ajuda o CONDENADO. Deixem o ACAMPAMENTO acabar por "falta de quorum", assim ficará evidente que o CONDENADO é um DEFUNTO POLÍTICO.

Ler 104 comentários