Juiz solta PM que matou turista espanhola

O juiz que concedeu liberdade provisória ao PM Davi dos Santos Ribeiro, que matou a turista espanhola María Esperanza Jiménez Ruiz, na favela da Rocinha, disse que “o custodiado estava trabalhando, possui imaculada ficha funcional, não havendo indícios de que solto possa reiterar o comportamento criminoso ocorrido à luz do dia.”

De fato, na contabilidade dos turistas assassinados no Rio de Janeiro, os bandidos ganham de longe dos policiais.

Temas relacionados:

Deixe seu comentário

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem;
Tempo de publicação: 4 minutos

200

  1. Sobre o PM que atirou em um veículo que furou uma barreira policial e lamentavelmente acertou em uma turista espanhola, só me expliquem uma coisa: o que faz uma pessoa querer ver a miséria da miséria de um país como uma atração turística? O país está, hoje, nas manchetes do mundo por suas favelas e pela violência aqui reinante? O que leva uma empresa de turismo a promover uma “excursão” deste tipo? Com que sentido? Não era uma pesquisa sociológica. O que leva um motorista a não parar em uma barreira policial? Os policiais são orientados a não atirar. Se ele atirou deve ter tido razão ou ordem. Essas perguntas ninguém faz. Lamento pela senhora de 67 anos. Com 67 anos preferiria visitar o belo, o agradável e o gostoso. Nunca a miséria alheia.

Ler mais 128 comentários
  1. Sobre o PM que atirou em um veículo que furou uma barreira policial e lamentavelmente acertou em uma turista espanhola, só me expliquem uma coisa: o que faz uma pessoa querer ver a miséria da miséria de um país como uma atração turística? O país está, hoje, nas manchetes do mundo por suas favelas e pela violência aqui reinante? O que leva uma empresa de turismo a promover uma “excursão” deste tipo? Com que sentido? Não era uma pesquisa sociológica. O que leva um motorista a não parar em uma barreira policial? Os policiais são orientados a não atirar. Se ele atirou deve ter tido razão ou ordem. Essas perguntas ninguém faz. Lamento pela senhora de 67 anos. Com 67 anos preferiria visitar o belo, o agradável e o gostoso. Nunca a miséria alheia.

  2. Acertada a decisão do Juiz!
    Analisando o fato sem esquerdopatia, vemos que o Rio e o Brasil inteiro vivem uma situação de guerra civil não declarada oficialmente, embora os dados oficiais mostrem que superamos a Síria em Guerra Civil há mais de 06 anos.
    Portanto, sem querer justificar, mas explicando a ação do Tenente PM, percebe-se que, os policiais do Rio vivem o estresse de uma guerra mesmo. E, quem circula de veículo em locais de maior risco, como as favelas(sem essa de “comunidade”) dali, sabe muito bem que qualquer veículo pode ser sim condução e abrigo de traficantes, cujo objetivo primordial é eliminar policiais. Portanto, a ordem de parada dos policiais deve ser sempre acatada. Aliás, é isso que ocorre em qualquer lugar do mundo.

  3. O juiz teve suas razões para não decretar a prisão do tenente causador da morte da turista, o que, certamente, será objeto de rigorosa apuração. Agora, penso infeliz a comparação da ação da polícia militar com a dos traficantes no quesito morte pois, queiramos ou não, precisamos dos seus agentes para garantir, minimamente que seja, a segurança. Não se pode generalizar por uma atitude isolada o comportamento de uma corporação….

  4. Convenhamos: fazer turismo na Rocinha, ou em qualquer favela do Rio é demais!!! Só no Rio mesmo a terra do Carnaval, da malandragem!!! Nunca ví em nenhum lugar do mundo o malandro ser idolatrado!!! Só no Rio!!! A polícia do Rio também é uma bagunça! Imaginem o grau de preparo intelectual e psicológico! Imaginem o grau de corrupção e cooptação desses indivíduos pelo crime organizado! Chamem o Cabral de novo, mas não esse que está preso, chamem aquele das caravelas para a gente começar tudo de novo! Não expulsar os holandeses e nem os franceses e se possível chamar mais japoneses, mais ingleses e alemães….

  5. o tenente vai se dar muito mal. o Estado fará dele o exemplo do qual tanto precisava para dizer que o Estado não dá cobertura a criminosos vestidos de farda. não conheço o tenente, não posso falar nada sobre a índole dele. menos ainda sobre o stress ao qual ele provavelmente está submetido em nossas zonas urbanas em estado de guerra civil. a tarefa caberá ao advogado de defesa . Mas, se os ocupantes do veículo não representavam perigo aos PMs (e não representavam, de fato, não tinham intenções hostis), fica caracterizado o homicídio qualificado. é a lei, tem de ser aplicada, com atenuantes e, se for o caso, com agravantes.

  6. para os que se interessarem, segue link do jus.com.br com breve comentário sobre a lei 13060, que impõe aos agentes da lei limites no uso de armas de fogo em situações como a que resultou na morte da turista. O tenente foi indiciado por homicídio qualificado, pois desrespeitou os limites da lei 13060, segundo o delegado que o indiciou. O Min Público apresentará denúncia, pois alegará, entre outras razões, que o tenente violou o direito à vida de todos os ocupantes do veículo. Se o juiz aceitar a denúncia (o veículo não tentou atropelar os policiais, não houve disparo de arma, os ocupantes estavam todos desarmados). o Tenente ambém violou , segundo a corporação, o código militar por disparo de arma de fogo em via pública.
    https://jus.com.br/artigos/35594/breve-analise-da-lei-n-13-060-2014-que-disciplina-o-uso-de-instrumentos-de-menor-potencial-ofensivo-por-agentes-de-seguranca-publica

  7. Concordo com a decisão do Dr. JUIZ em soltar o POLICIAL . O nosso STF adora soltar traficante , assassino , estuprador , ladrão de dinheiro público , estelionatário , falsificador , doleiro , receptador , politico mafioso , etc.. etc… POR QUAL NOTIVO , ENTÃO , UM POLICIAL DEVERIA FICAR PRESO ???????

  8. No Rio de Janeiro morre um policial dia sim dia não . O procedimento do Policial foi de auto defesa já que a bandidagem do Rio atira em todo mundo . Nos USA se você furar um bloqueio policial VOCE LEVA 100 OU 200 TIROS DE CALIBRE 40 E 45 . Depois eles vão perguntar o seu CPF .

  9. A espanhola foi se meter em área de risco . No Jornal EL PAÍS , da Espanha , saíram inúmeras reportagens da guerra na Roçinha . Lá o EXERCITO BRASILEIRO , entra com carros blindados , coletes a prova de balas , capacetes de aço , fuzis , metralhadoras , helicópteros , etc… etc… Será que ela estava fazendo o turismo do ‘PÓ ” ou da ” FARINHA ” ????

  10. Os policiais agiram em trabalho e de forma correta, em qualquer parte do mundo as pessoas sabem o que ocorre quando você foge ou fura um bloqueio policial; ela estava acompanhanda de uma guia que sabia o que está acontecendo na Rocinha.Se fossem bandidos e atirassem nos policiais? Socorro, tá tudo invertido neste país, infelizmente , não eram bandidos, mas nessa tensão será que você não faria o mesmo? Ou pediria a identidade de quem fugiu da blitz e levaria uma bala no meio da testa se fossem bandidos? Vai lá fazer o papel dos policiais e depois recrimina .Cansei dessa inversão de valores, bandidos soltos e policiais mortos. Lamento pela familia , mas , seria o mesmo que ir passear na Siria e falar que nao sabia da guerra.O juiz agiu de forma correta e honesta.

  11. Sempre ouvi dizer que “quem não deve, não teme”. Sempre que sou solicitado a parar numa blitz, não deixo de parar. Se fosse uma blitz de bandidos na favela, duvido muito que ele deixaria de parar. É bem provável que ele tivesse algo a esconder das autoridades policiais: situação irregular como estrangeiro, carro com alguma irregularidade, atividade laboral não registrada ou, quem sabe, funcionava como mula do tráfico para abastecer o “asfalto” já que os traficantes que controlam a favela não o deixariam livre para subir e descer o morro sem dar algo em troca.

  12. Art. 2
    Parágrafo único. Não é legítimo o uso de arma de fogo:
    I – contra pessoa em fuga que esteja desarmada ou que não represente risco imediato de morte ou de lesão aos agentes de segurança pública ou a terceiros; e
    II – contra veículo que desrespeite bloqueio policial em via pública, exceto quando o ato represente risco de morte ou lesão aos agentes de segurança pública ou a terceiros.

    1. não é portaria coisa nenhuma!!!! é lei federal. lei 13060 (Art 2, parag único, II). Eu leio antes de publicar comentários. Sugiro que você e todos os interessados também leiam. Aí vai o link do jus.com.br , que publica breve comentário sobre a lei.
      https://jus.com.br/artigos/35594/breve-analise-da-lei-n-13-060-2014-que-disciplina-o-uso-de-instrumentos-de-menor-potencial-ofensivo-por-agentes-de-seguranca-publica

    2. Estamos falando do Rio de Janeiro, estado com o maior índice de mortes de policiais. Toda regra tem exceção. O local do incidente é totalmente propício para esse tipo de tragédia.

  13. Mesmo sendo lamentável, os turistas se expuseram infantilmente ao perigo e em terra de tiroteio, um carro com cinco pessoas dentro, sem parar quando ordenado, não tem jeito.
    O guarda não tem essa culpa que os criadores de inocencia querem forçar.
    É muito similar ao brasileiro morto no metrô de Londres pela polícia.

  14. VAGABUNDO DOS DIREITU DUS MANU FICA DIZENDO Q O PM AGIU ERRADO!!!BANDO DE DROGADOS!!!O PM DEFENDEU SIM A SOCIEDADE!!!DEFENDEU DO VAGABUNDO Q FUROU O BLOQUEIO ,COM CARRO COM INSUFILM….VÂ COLOCAR O SEU NA RETA SEU VI aDO DE ESQUERDA!!!DEFENSOR DE MARGINAL!!!!!QDO FOR ASSALTADO E MORTOCHAMA O BATMAN OU O FREIXO!!!!

  15. Qualquer turista que quiser conhecer as atrações turísticas de um morro do Rio de Janeiro em conflito, tal como a Rocinha neste momento, deveria assinar um Termo de Responsabilidade, usar colete à prova de balas e se locomover por meio de blindado das Forças as Armadas. Os turistas não conheciam a região, por esta razão, eu acho que a agência de turismo deveria ter modificado o passeio.

  16. nem o motorista , nem a agência de turismo podem ser responsabilizados. estavam trafegando em via pública. pouco importa se foi na rocinha ou na avenida atlantica. isso não é crime. segurança é dever do Estado e direito do cidadão. Se alguém dever ser responsabilizado na esfera civil, então o Estado do Rio de Janeiro. Na esfera criminal,o tenente será severamente punido na esfera, servirá de bode expiatório para a falência da segurança pública carioca. pouco importarão as circunstâncias atenuantes do comportamento de soldados servindo em área de guerra civil de fato.
    mas, no caso concreto, o tenente errou FEIO. Seu ato se enquadra como luva na lei 13060. Ele se lascou.homicídio qualificado

    1. O Projeto de Lei 5226/16 foi aprovado em abril deste ano pela CCJ. Pretende alterar o código de trânsito para tornar crime o furo de bloqueio policial. Talvez tenha sido aprovado mais recentemente. Mas, até abril deste ano. era infração de trânsito.

    2. Mas como, nem o motorista , nem a agência de turismo podem ser responsabilizados, se um veículo opta por furar bloqueio policial, em área de guerra civil de fato?
      E de onde estes turistas tiram essas idéias de jerico, de atravessar o oceano, para querer conhecer área de guerra civil de fato?
      É a estética da podridão ganhando o mundo.

  17. O motorista (há 4anos no RJ) e a agência de turismo têm que ser investigados. O policial agiu muito bem porque uma operação estava sendo feita, o carro desceu em alta velocidade, com vidros escuros, poderia até estar dando fuga para traficantes. Parabéns ao juiz.

  18. O PM não matou a turista. O carro se evadiu e, como no RJ, todos (inclusive os políticos) se evadem, ele cumpriu o dever dando tiro de alerta.
    Que fique claro que não defendemos a morte de ninguém, mas é preciso ser racional.

    1. a bala que matou a turista ficou alojada no encosto de cabeça do banco dianteiro. Se realmente ricocheteou no chão, a perícia o dirá. Pouco importa o que diz o tenente. mas isso não altera substancialmente a situação do tenente. a lei 13060 não autoriza o uso de arma de fogo, exceto quando o ato represente risco de morte ou lesão aos agentes de segurança pública ou a terceiros.
      se os ocupantes do carro não atiraram, não acenaram com arma , não tentaram atropelar os PMs, foi homicídio qualificado, é o que diz a lei

    2. ele matou.
      1. ele atirou na turista, que morreu em consequencia do tiro. Ela estava dentro de um carro com pessoas inocentes, em via pública, todos desarmados. Não representavam ameaça aos PMs.
      2, a conduta do tenente foi tipificada com base na lei 13060 (Art 2, parag único, II), conforme alega o indiciamento.
      3. cabe ao min público avaliar se o indiciamento procede. Como se sabe, os turistas não representavam ameaça e foram alvejados sem chance de defesa. é também o que afirma o indiciamento. Ou seja, o tenente muito provavelmente será denunciado e condenado por assassinado qualificado.
      é o que determina a lei. cada um tem sua própria opinião, evidentemente. Mas, fatos são fatos.

    3. A meu ver, o tiro de alerta deveria ser para o alto e não para o solo, já que poderia ricochetear. Pra mim, o tenente deve responder em liberdade, mas que foi desastrado, foi sim. De qualquer modo, um tiro para o chão não pegaria na altura do carro onde pegou (cerca de 1.60 de altura)

  19. Parabéns ao sensato juiz. PM estava a trabalho numa zona de guerra que todos no mundo sabem. O policial agiu corretamente. Três são os culpados: a agência de turismo,o motorista que fugiu da blitz e a própria turista . Quiseram fazer turismo numa zona de fogo cruzado mesmo sabendo das balas perdidas e achadas . Então não venham com minimi culpando a polícia.

  20. Concordo com os que dizem que o título do post é negativo propositalmente em desfavor do policial e da corporação PM. Concordo também com os que dizem que o juiz, embora tenha relaxado a prisão, pré-julgou o policial dizendo que ele não iria reiterar no crime, mesmo sabendo que não há crime quando o agente pratica o ato em estrito cumprimento do dever legal.
    Digo mais, esses posts deixam o site parecido com o G1. E se fosse para ler a porcaria do G1 eu iria direto no original.
    Como deveria ser o post:
    JUIZ REVÊ PRISÃO DE POLICIAL QUE ATIROU EM VEICULO QUE FUROU BLOQUEIO E IGNOROU ORDEM LEGAL PARA PARAR.

    1. Hammer: sua sugestão de post , ou seja, sua visão, opinião sobre o incidente, corresponde exatamente ao texto da lei 13060 (art. 2, parag. único, II ), que tipifica o crime do tenente. Sem perceber, você acaba tendo a mesma opinião que o juiz. Se o veículo não representava risco iminente à vida dos PMs, o tenente cometeu crime. desrespeitou a lei e as normas da pm, que ele deveria cumprir. não poderia ter atirado. pouco importa nossa opinião. os ocupantes do veículo tentaram atirar, abriram a janela e mostraram armas ou tentaram atropelar os PMs ? se a resposta for negativa, o tenente cometeu crime de homicídio qualificado

    2. Não há estrito cumprimento do dever legal quando há morte em uma ação do estado. Não existe lei que permite matar. O que houve neste caso foi legitima defesa, no entanto houve erro do tipo por parte do agente.

  21. o tenente já foi indiciado, será julgado e condenado por homicídio qualificado (sem possibilidade de defesa para a vítima) a muitos anos de cadeia . será expulso da pm.violou o manual de abordagem da própria pm e, acima de tudo, a lei 13060. para piorar a situação dele, matou uma turista estrangeira de país da europa ocidental e membro da união européia. o governo espanhol não deixará o caso de mão. vai acompanhá-lo até o final.

    1. Não sei não, atualmente o governo espanhol e a união européia, estão muito mais preocupados com a Catalunha, do que em defender turistas apologistas de favelas.
      Ninguém mandou eles entrarem na favela, eu duvido, que algum comentarista daqui, queira entrar na favela, muito menos, pagando para entrar.
      Quem deve responder civilmente, é o motorista e a guia de turismo.

  22. o tenente já foi indiciado, será julgado e condenado por homicídio qualificado (sem possibilidade de defesa para a vítima) a muitos anos de cadeia . será expulso da pm.violou o manual de abordagem da própria pm e, acima de tudo, a lei 13060. para piorar a situação dele, matou uma turista estrangeira de país da europa ocidental e membro da união européia. o governo espanhol não deixará o caso de mão. vai acompanhar o processo até o final do julgamento.
    minha sugestão aos que elogiam o tenente: que sejam solidários com ele enquanto ele estiver na prisão. dessa ele não vai escapar.

  23. Investiguem o motorista do veículo. Se a PM disse que o veículo furou o bloqueio e o motorista nega alguém está mentindo. Eu acredito no policial. Investiguem o motorista do veículo.

    1. Vinagre, na real, o carro estava descendo, e o motorista não era espanhol, era um italiano que vive no Brasil há 4 anos.

    2. O motorista espanhol fugiu do bloqueio pois é TRAFICANTE!!!!!!!Nessa de “turismo” vai lá e faz a compra !!!!!!!! Era bom esse cara ser INVESTIGADO!!!O carro estava em ALTA VELOCIDADE,SUBINDO LADEIRA!!!!!!!!!!

    3. Exatamente, ele recebeu r$ 420,00 para levar 3 incautos para morte, ele simplesmente ignorou a polícia, desmereceu nossa polícia, esse motorista italiano, deve respeitar bem mais os traficantes, do que a polícia, SUV de 100 mil reais, não sobe em favela.
      Se existe um responsável, foi esse motorista/operador de turismo.

  24. ERRADO JUÍZ,
    você PRÉ-JULGOU ao dizer ‘reiterar o crime’,
    NÃO HÁ CRIME enquanto IN DUBIO PRO-RÉU, Há uma Investigação que deve ainda concluir se furaram o não o bloqueio, e se furaram, é FUNÇÃO do PM Atirar para parar o veículo.

    PARABÉNS por soltar o PM
    mas você CEDEU à policagem ”correta’ ao dizer’ ‘reiterar o crime’.
    se em DUBIO PRO RÉU para cidadões comuns MUITO MAIS PMs que se arriscam todos os dias a tomar decisões DIFICÍLIMAS em momento de grande stress.

    1. Art. 2
      Parágrafo único. Não é legítimo o uso de arma de fogo:
      I – contra pessoa em fuga que esteja desarmada ou que não represente risco imediato de morte ou de lesão aos agentes de segurança pública ou a terceiros; e
      II – contra veículo que desrespeite bloqueio policial em via pública, exceto quando o ato represente risco de morte ou lesão aos agentes de segurança pública ou a terceiros.

  25. Se o ANTAGONISTA quer fazer sem viés — que é o que imagino — deve melhorar suas chamadas. Em primeiro lugar a frase “Juiz solta” tem, por si só, conotação bastante negativa entre nós; em segundo lugar, “PM que matou turista” reforça o viés negativo da primeira frase. A perversão está em usar uma frase que exprime a verdade, mas que é carregada de “judgment” para influenciar a opinião do leitor (que, no caso, é a de que PMs são criminosos e que juízes não cumprem sua função de nos proteger contra criminosos).

    1. Ricardo,tbm concordo com vc. E já disse isso nos comentários. Os Antagonistas deviam melhorar o título de alguns Posts porque induzem o leitor à uma interpretação errada da matéria. Gosto muito desse site e minha crítica,como a sua,são construtivas. Tomara que eles leiam os comentários de vez em quando.

    2. Aqui é o Antagolixo, vc queria o que?
      Vendedores do CAOS.
      Torcedores do QUANTO PIOR MELHOR.
      ANTAGOLPISTAS JACOBINOS.

  26. A verdade é uma só, esses estrangeiros são vidrados em conhecer uma favela, outro dia estava com um casal de amigos que estavam recebendo um casal de israelenses, combinamos de levá-los até o litoral de São Paulo, Guarujá, bertioga e Maresias, para meu espanto e tristeza, às únicos horas que eles tiravam fotografias, era quando passávamos na frente de alguma favela, primeiro, no início da Emigrantes, depois na alça de acesso a praia de Enseada, e por fim, em Itaquaquecetuba, na rodovia Airton Senna, já quase em Sampa, eu fiquei bem decepcionado, levamos aqueles malas para almoçar no Rufinos, passeios num pedaço de nosso litoral, que para muitos de nós, é um dos mais bonitos de nosso país, a impressão que eu tive, é que eles queriam encontar algum defeito, talvez seja isso que motive tantos estrangeiros, a quererem conhecer nossas pobrezas, uma mistura de inveja e perplexidade
    O pior, é que na palestina, às construções de lá, são muito parecidas com nossas favelas.

    1. Exatamente, motorista italiano, dirigindo uma Dodge Jorney nova, com uma guia, que parecia mais uma professora de primário, 5 tontos, com os vidros fechados, falando sem parar, cada qual com suas “verdades” do por que da favelização dos morros cariocas, ainda pagaram a bagatela de R$ 420,00 por três turistas.

  27. Tem que soltar mesmo, o PM fez o trabalho dele… quem não fez o correto foram os turistas que não pararam o carro.
    E tem mais, o mundo inteiro sabe que essa favela vive uma GUERRA CIVIL a muito tempo, cidadão de bem não vai pra lá nem pau.
    Só vai pra lá pessoas atras de drogas e turismo sexual como disse o colega:
    Ezequiel-SP disse: 24 de outubro de 2017 às 16:26
    Das duas uma: Quem visita o RJ ou está fazendo turismo sexual ou tá comprando drogas

    1. Verdade Adilson!!!Essa cambada muderninha só enxerga o q quer ver!!!!!Não percebe q o carro era ESCURO e ele não enxergava quem estava dentro,não se toca q no mesmo dia DOIS policiais foram baleados,não entende o nível absurdo de STRESS do PM,tentando fazer o melhor e ficar vivo!!!Essa figurinha q defende furador de bloqueio,vive numa REDOMA,deve ter carro blindado e seguranças…..ou então é só mais um imbecil tutelado pela esquerda imbecilizante e drogada defensora de marginais,e SEMPRE contra a PM!!!!Vc já viu esse povinho ser tão compassivo assim qdo é um marginal q mata um policial????NUNCA!!!!!!

    2. O carro avançando um bloqueio da Policia, no “sai da frente se não eu passo por cima”
      É o que?
      É uma arma!
      Acorda pra vida!
      Abra os olhos para realidade!
      A PM está sendo marginalizada…
      Os traficantes tem poder de fogo comparado ou até melhor do que muitos soldados do Exército, quiça o da PM.

    3. We are the worllllld,We are the children!!!We are the one to make a better day,so let s start giving!!!!KKKKKKKKKKKK ACORDA ALICE!!!!!!

    4. Não posso concordar com você! Ainda que essas pessoas estivessem indo comprar drogas, um policial só poderia efetuar disparos se os ocupantes do carro tivessem oferecido alguma ameaça, mas esse não foi o caso! Sou plenamente a favor que o policial tenha o direito de reagir contra uma ameaça contra a sua vida e contra a vida dos demais cidadãos, mas não posso admitir que um policial atire contra pessoas desarmadas que não oferecem risco contra a vida de ninguém! O policial que atira em um bandido que ameaça a vida de alguém é um herói, mas o policial que atira em pessoas desarmadas desonra a PM e é um assassino!

  28. Tem que responsabilizar o comandante desse soldado por não ter lhe dado instrução suficiente. Deveriam processar também a empresa de turismo que levou a gringa para essa armadilha.

    1. Vai lá na Espanha, fura um bloqueio,seja morta daí mande sua familiazinha processar a polícia de lá, tá inucenti!!!!!!

  29. Se o Gilmar Mendes soltou um Barata que pode interferir na investigação, além de ter longa ficha policial, porque o juiz não pode soltar o policial que estava trabalhando? O carro furou o bloqueio da polícia, não havia alternativa diante desse estado de guerra. Obrigado.

    1. Se você não for a uma Favela comprar drogas e não furar um bloqueio policial de uma região que dia sim dia não é ocupado por 800 soldados do Exército, não correrá o risco de levar um tiro. Não compre drogas na Favela , seja do Bem, abandone a ESQUERDA e poderá viver por mais tempo, SIMPLES ASSIM !!!

    1. 67 anos, com o filho e a sobrinha?
      Eles não foram comprar drogas, eles foram fazer um estudo antropológico à bordo de um SUV de mais de r$ 100 mil, o que com certeza, chamou muita atenção dos policiais, o mais estranho, é eles não terem sido assaltados antes, que nos remete, a uma possível parceiria econômica entre esses operadores de turismo com os donos do morro.

  30. Parabéns ao Magistrado do RJ. Isso é Justiça.
    Nem todo policial militar é da banda podre.
    Nem todo operador de turismo e seus clientes agem corretamente.
    Quem ganha dinheiro explorando a pobreza crônica e leva turistas pra “passear” em favelas ou qualquer área violenta no mundo assume o risco de ser ferido ou morrer.

    1. verdade,vá um brasileiro furar bloqueio na Espanha pra ver o q acontece!!!! PARABÉNS JUIZ…LIVROU O PM INOCENTE,CUMPRIDOR de SEU DEVER!!!!!!!!!!!!

    1. Fale por vc q tem q ser tutelado por essa corja ladra da esquerda!!!Marginal assassino pode?Porque marginal,traficante tem condição de portar armas e alguém mais alfabetizado não???VIU A INCOERÊNCIA de um esquerdalha de raiz???????

  31. Parabéns ao juiz e Viva a PM sempre! São nossos protetores! Em meio a podridão ainda encontramos Juízes de verdade nesse País! Juízes diferentes daqueles bandidos de Toga do STF! Intervenção militar pra ontem

    1. Exatamente Vinagre! O policial não tem visão de raio X! O PM estava fazendo o seu trabalho! Viva a nossa PM!

    2. KKKKKKK DROGADINHO do PSOL detected!!!!! O VALOROSO PM não tem visão de RAIO X!!!FEZ O CERTO,ATIROU NOS CHEIRADORES DE PÓ!!!!!!!

  32. Quem garante que ele não seria capaz cometer o mesmo crime novamente? Na dúvida, seria melhor que ficasse preso pois a sociedade é que não pode correr o risco! Isso deveria valer para qualquer assassino, independentemente da função que ocupa na sociedade! Não interessa se ele é policial ou bandido! Ele se revelou como um assassino perigoso e num país sério jamais seria posto no convívio com a sociedade! Novamente a sociedade tem que conviver com assassino solto!
    ______________________________________________________________

    1. Ok, senhores! Vamos supor que um dos senhores, ou alguém da sua família, por algum motivo, tenha que pegar uma carona com um grupo de pessoas com quem não tenha muita intimidade. Digamos que você seja amigo de um dos ocupantes do carro mas não sabe que o motorista está com os documentos irregulares ou quem sabe bebeu um pouquinho e não gostaria de ser pego na blitz da lei seca… aí vai que surgem alguns policiais pela frente e o motorista tenta pegar outro caminho, os policiais desconfiam e correm atrás… nessa hora o que você gostaria que os policias fizessem? Gostaria que eles atirassem mesmo que um dos tiros pudessem atingir sua cabeça ou de alguém da sua família? Ou gostaria que eles perseguissem e abordassem o veículo, como seria o correto? Quando nos colocamos no lugar de quem sofre, a coisa muda de aspecto, não é verdade? Eu estou aqui para defender policiais responsáveis e heróis! Vocês estão aqui defendendo um assassino!
      ______________________________________________________________

    2. O cara estava trabalhando, a mulher furou uma barreira policial em uma zona de conflito declarado, em qualquer lugar do mundo aconteceria a mesma coisa e ninguém ficaria de mimimi, o policial agiu de acordo com a sua função.

  33. Em um local que os moradores sofrem e praticamente nao têm descanso de tiroteios diurnos e noturnos, tráfico, balas perdidas, mortes, feridos, qual a racionalidade de um operador de turismo levar visitantes estrangeiros para “ir passear” naquela área tão repleta de riscos? E ainda por cima dizer que não estava ligado nem percebeu a blitz da PM?

  34. FUROU BLOQUEIO EM ZONA DE GUERRA!!!FO DA SE ela!!!!Fazer passeiozinho vendo miséria alheia.. Se tivesse feito esse mesmo passeiozinho nas ramblas em barcelona pós ataque ,e furado o bloqueio teria tido o mesmo fim!!!!!!!

    1. Seja sensato! Se o policial tivesse atirado em resposta a um ataque, teria agido corretamente e mereceria nosso apoio, mas você sabe que o caso não foi esse! Esse policial assassinou uma pessoa inocente e indefesa que nem sequer oferecia risco para o policial! Ele sujou a própria farda e se mostrou como um assassino perigoso! A missão de um policial é proteger pessoas inocentes e não matá-las! Ele é uma vergonha para a polícia e para o militarismo em geral! Acorde, por favor!

    1. é só nao dar uma arma na mao dele… porque de revolver na mão é um bicho feroz,, sem ele,, anda rebolando e até muda de voz

  35. PERFEITA A DECISÃO DO JUIZ…SOMENTE PECOU EM SE REFERIR AO ESTRITO CUMPRIMENTO DO DEVER DO POLICIAL À FRASE INFELIZ “o custodiado estava trabalhando, possui imaculada ficha funcional, não havendo indícios de que solto possa reiterar o comportamento criminoso ocorrido à luz do dia.”…ELE NÃO PROMOVEU COMPORTAMENTO CRIMINOSO…NO MAS…FOI ACERTADA.

    1. O POLICIAL é a ÚLTIMA barreira para defender a Vida do CIDADÃO no Caso desobedeceu a ordem de parar LEVOU CHUMBO, já que o Governo COMUNISTA e CORRUPTO da ESQUERDA CATINGUENTA , Desarmou o Cidadão impedindo o cidadão de PORTAR arma para se defender!!

  36. Antes de Acontecer o Fatídico caso, dois policiais haviam sido feridos por CONFRONTO com Bandidos os policiais estava em estado de ALERTA, em LONDRES quando esta em estado de Alerta é ficar alerta; No caso do RIO havia uma barreira policial, a TURISTA avançou LEVOU CHUMBO!!

  37. Eu só queria saber que raios o partam uma turista foi cheirar em uma favela perigosíssima com balas voando a torto e direito há mais de 40 dias ???? E o ditado quem procura acha e o
    Pressionaste ninguém fala nada disso