Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Juíza manda PF devolver madeira apreendida em operação pivô do atrito entre Salles e delegado

Juíza manda PF devolver madeira apreendida em operação pivô do atrito entre Salles e delegado
Foto Bruno Kelly/Amazonia Real

A juíza federal Mara Elisa Andrade, da 7ª Vara Federal Ambiental e Agrária do Amazonas, determinou que a Polícia Federal devolva parte da madeira apreendida na operação que foi pivô do atrito entre o delegado Alexandre Saraiva e o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles.

A ordem atende a um mandado de segurança impetrado pela Associação Comunitária da Gleba Curumucuri.

Na decisão, a magistrada alega que a PF não possui informações suficientes para justificar o bloqueio da carga e do maquinário dos madeireiros representados pela associação.

“Não houve indicação clara de quais crimes estariam sendo investigados e teriam sido praticados pela impetrante, a justificar a medida ostensiva e constritiva de direito processual penal; não há indicação de que a apreensão tenha se dado em contexto de flagrante delito; bem como incerta é a natureza criminal (como sendo produto ou instrumento de crime) dos bens apreendidos.”

No fim do mês passado, Salles disse que atuou para liberar a madeira ilegal apreendida pela Polícia Federal a pedido de três deputados federais e quatro senadores.

Leia mais: Assine a Crusoé, a publicação que fiscaliza TODOS os poderes da República.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO