Juíza não acatou pedido de nova busca e apreensão na casa de Mantega

A Polícia Federal queria nova busca e apreensão em endereços ligados a Guido Mantega na Operação Pentiti, mas o MPF e a juíza Gabriela Hard não acharam necessário.

O argumento foi de que o ex-ministro já havia sido alvo de duas buscas e apreensões — uma no âmbito da Zelotes e outra pela Lava Jato — e “a partir da análise do material da segunda busca realizada, verificou-se que tal busca não foi produtiva, o que indica a desnecessidade e improdutividade de nova busca no mesmo alvo”.

Comentários

  • Massaaki -

    A busca e apreensão e congelamento de ativos deve ser focada no exterior. Quem sabe as autoridades estrangeiras do Judiciário, MP e polícias como os da Suíça poderiam ajudar nisso. E tbm de outro

  • Gumbaguimbê -

    A busca produtiva é na Itália...

Ler 2 comentários