Jungmann promete aumentar em 60% segurança de presidenciáveis

Raul Jungmann, que falou após o desfile do 7 de Setembro sobre a segurança dos presidenciáveis, prometeu aumentar o efetivo deles em 60%, registra o Estadão.

Segundo o ministro da Segurança Pública, que chefia a PF, foram destacados 80 policiais para acompanhar, além de Jair Bolsonaro, Ciro Gomes, Marina Silva, Geraldo Alckmin e Alvaro Dias.

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 16 comentários
  1. Esse bolchevique do inferno é uma sumidade da desfaçatez!!! Bandido! Tem que prometet prender os envolvidos no atentado! E o caso Marielle até hoje sem uma resposta? Como pode? Ele sabe…né não

  2. Este ministro da defesa; o senhor Jungman, nunca passou de um preguiçoso e oportunista lá do Pernambuco! Não gosta de trabalhar, muito menos de estudar. Mas pra mamar numa viúva é = um cabrito.

  3. Comunista desgraçado. Estava imaginando uma coisa: Porque TODOS os comunistas quando se exilaram, não foram para paises comunistas ? Cuba, Coreia do Norte, etc ? Foram para Paris, Chile,Londres…