Justiça aceita denúncia contra assassinos de Marielle

A Justiça do Rio recebeu nesta sexta-feira a denúncia apresentada pelo Ministério Público do estado contra Ronnie Lessa e Élcio de Queiroz, apontados pela polícia como os assassinos de Marielle Franco e Anderson Gomes.

Eles vão responder à ação penal por duplo homicídio triplamente qualificado, tentativa de homicídio e por receptação.

Na decisão, o juiz Gustavo Kalil, do 4º Tribunal do Júri do Rio, também autorizou a transferência dos acusados para estabelecimento penal federal de segurança máxima.

Lava Jato: bombardeio vem de todos os lados. AQUI

Temas relacionados:

Comentários temporariamente fechados.

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem.

Ler mais 10 comentários
  1. Nada tenho contra Marielle, mas ela representa parte do RJ e não a nós. E a Lei e a Justiça não podem ter 02 pesos e duas medidas. Quem são os mandantes do quase assassinato de Bolsonaro?

  2. NÓS temos nossos ditadorezinhos não num Palácio mas numa “Corte Pé de Chinelo”. Nossos Madurinhos de Togas”, nossos 6(Seis) Bost@s N’águas: Gilmar, Marco Aurélio, Toffoli, Lewandowski e Cel

    1. Não querem q o crime seja investigado. Estão tristes pq pegaram os suspeitos. Mais triste ainda pq pode ser crime de ódio, sem mandante. Se condenados, adeus palanque.

  3. Muita calma nessa hora… Ainda há muitas águas para passar por baixo dessa ponte. Ora, ainda nem chegaram no(s) mandante(s). A imprensa brasileira está dando “BOM DIA A CAVALO”. Quem viver ver