Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Justiça dá 20 dias para Alcolumbre esclarecer sigilo sobre notas fiscais

A Justiça Federal em Minas deu hoje 20 dias para que Davi Alcolumbre preste esclarecimentos sobre sua decisão de manter em sigilo as notas fiscais de gastos dos parlamentares com a verba de gabinete, informa O Globo.

Ontem, o jornal carioca publicou que o presidente do Senado havia autorizado seus colegas a manter o segredo sobre os gastos com a verba de gabinete, ignorando a Lei de Acesso à Informação.

Diante da repercussão, Alcolumbre anunciou que passará a divulgar as notas fiscais no site do Senado –mas a medida só entrará em vigor em julho e não valerá, em princípio, para suas próprias notas fiscais de gastos com gráficas.

O juiz Lincoln Rodrigues de Faria, de Uberlândia, que fixou o prazo de 20 dias, atendeu a um pedido formulado por um advogado da cidade.

 

Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO