ACESSE

Justiça dá 24 horas para mulher de Queiroz pôr tornozeleira eletrônica

Telegram

O desembargador Milton Fernandes, do TJ-RJ, deu prazo de 24 horas para Márcia Oliveira de Aguiar se apresentar à central de monitoramento para colocar a tornozeleira eletrônica.

A mulher de Fabrício Queiroz cumpre prisão domiciliar desde o último sábado, 11, em seu apartamento na Taquara, no Rio de Janeiro.

Leia AQUI a nota da Crusoé.

Leia mais: Golpe no planalto: o governo quase caiu na promessa de 500 bilhões de dólares

Comentários

Os comentários não representam a opinião do site; a responsabilidade é do autor da mensagem. Em respeito a todos os leitores, não são publicados comentários que contenham palavras ou conteúdos ofensivos. Tempo de publicação: 4 minutos
Ler 38 comentários