Justiça Eleitoral cassa mandato de vereador em SP

Francisco Shintate, juiz da 1ª Zona Eleitoral da capital paulista, cassou o mandato do vereador Camilo Christófaro, do PSB, acusado de por fraude eleitoral na captação de recursos, registra o G1.

Segundo o Ministério Público Eleitoral, R$ 6.000, 14% do dinheiro usado na campanha de Christófaro, tiveram origem ilícita.

De acordo com a investigação da Justiça Eleitoral, o valor foi repassado por uma idosa de mais de 80 anos, moradora de Jundiaí, que também teria doado a outros candidatos.

“Foi feita quebra do sigilo dela, e ela não tinha (…) a menor condição. Desempregada, doente e na fila da casa própria”, afirmou o promotor eleitoral Luiz Henrique Dal Poz.

A assessoria do vereador cassado anunciou que entrará com recurso no TRE.

Comentários

  • alvaro -

    As doações agora deverão ser acompanhadas da copia do IR do doador...pronto, resolví...

  • Tinto -

    bem feito véio sem-vergonha!!!

  • Cidadã -

    SÓ PEGAM PEIXINHOS MIÚDOS. OS TUBARÕES SAÍRAM ILESOS. FALANDO EM TSE,, ESTAVA VENDO HÁ POUCO O VÍDEO DE UM JOVEM OUSADO, ALBERTO EMANUEL ALBERTIN MALTA, QUE JOGOU POR TERRA QUALQUER ARGUMENTO CONTRA O VOTO IMPRESSO, APESAR DA VELHACARIA DO STF TER SIDO CONTRA POR ALGUMA RAZÃO QUE DESCONHECEMOS (OU TALVEZ CONHECEMOS), E ISSO NOS DÁ MUITPAS ESPERANÇAS! ESSA VELHARADA HÁ DE MORRER MAIS CEDO OU MAIS TARDE (ESPERO QUE MAIS CEDO) E SERÁ SUBSTITUÍDA POR GENTE JOVEM E HONESTA, COMO OS PROCURADORES DA LAVA JATO E ESSE JOVEM QUE CITEI. AINDA BEM QUE AS GERAÇÕES VÃO SE RECICLANDO E TEMOS A POSSIBILIDADE DE TERMOS UM PAÍS MELHOR PELAS MÃOS DESSES JOVENS!

Ler 5 comentários