Justiça manda gerente de farmácia pagar R$ 11 mil por vazar receita de David Uip

Justiça manda gerente de farmácia pagar R$ 11 mil por vazar receita de David Uip
Foto: Governo do Estado de São Paulo

O juiz Fabricio Reali Zia, do Juizado Especial Criminal do Fórum da Barra Funda, ordenou ao gerente de uma farmácia pagar R$ 11 mil ao Fundo Municipal da Criança e do Adolescente da Prefeitura de São Paulo como pena por ter vazado a receita médica do infectologista David Uip, registra o Estadão.

A pena foi fixada após a defesa do médico, ex-coordenador do Centro de Contingência para o novo coronavírus na gestão de João Doria, rejeitar acordo para encerrar o caso, conforme publicamos.

O inquérito foi aberto em abril de 2020, para apurar crime de violação do segredo profissional por parte do gerente.

Na época, circularam nas redes sociais imagens da receita em que o infectologista, que estava com Covid-19, prescreveu cloroquina a si próprio.

A investigação indicou que o gerente da farmácia que vendeu o remédio postou a foto em um grupo do WhatsApp. A multa de R$ 11 mil será paga em quatro parcelas —o pedido do gerente para que fossem dez parcelas foi rejeitado.

A defesa de Uip alega que ele foi alvo de “discursos de ódio” depois do vazamento da receita, usada por bolsonaristas para atacar o médico e a gestão de Doria.

Leia mais: Assine a Crusoé, a revista que não tem medo de apontar os verdadeiros culpados pelas mazelas brasileiras.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO