Assine
Acesse
Acesse o Antagonista+ Acesse a Crusoé

Justiça suspende decreto que desobriga uso de máscaras em Duque de Caxias

A juíza Elizabeth Maria Saad determinou que a prefeitura apresente dados técnicos que embasem a medida
Justiça suspende decreto que desobriga uso de máscaras em Duque de Caxias
Foto: Karolina Grabowska/Pexels

A Justiça suspendeu hoje o decreto assinado pelo prefeito de Duque de Caxias, Washington Reis (MDB), que desobriga o uso de máscaras na cidade.

A juíza Elizabeth Maria Saad atendeu a um pedido do Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) e da Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro. Na solicitação, os órgãos questionaram os critérios adotados pela administração municipal e alegaram que “não foi considerada a situação epidemiológica local”.

Na decisão, a magistrada determinou que a prefeitura apresente dados técnicos que embasem a medida.

“Até que o município apresente relatório técnico devidamente embasado em evidências científicas e em análises sobre as informações de cobertura vacinal do município, no qual deve ser apontado um razoável percentual de vacinas aplicadas [tanto da dose 1 como da dose 2 em especial nos grupos prioritários, apto a justificar tecnicamente a dispensa do uso de máscaras em locais públicos; bem como apresente estratégias em saúde, vigilância sanitária, mobilidade urbana, segurança pública e assistência social, demonstrando que a situação epidemiológica aponta para o controle da pandemia.”

Duque de Caxias foi a primeira cidade do país a suspender a obrigatoriedade do uso de máscaras.

Mais notícias
TOPO