Kassio nega transferência de Adélio para hospital

Kassio nega transferência de Adélio para hospital
Foto: Reprodução/Polícia Federal

Kassio Marques negou um pedido da Defensoria Pública da União para transferir Adélio Bispo de Oliveira para um hospital psiquiátrico de Minas Gerais, perto de sua família.

O ministro afirmou que não há vagas no único estabelecimento disponível no estado e que a alta periculosidade de Adélio justifica sua permanência na penitenciária federal de Campo Grande, de segurança máxima.

“O acórdão impugnado ressaltou a alta periculosidade do paciente e a necessidade de se lhe garantir a integridade física como motivos adicionais à manutenção da internação do paciente em estabelecimento federal”, afirmou na decisão.

Augusto Aras opinou contra a transferência e citou declaração de Adélio de que ele ainda deseja matar Jair Bolsonaro e Michel Temer.

Leia mais: O início da vacinação no Reino Unido traz esperança para o mundo e dá a largada para a corrida dos políticos pela vacinação em massa em diferentes países.
Mais notícias
Comentários desabilitados para este post
TOPO